460,6 milhões de aves foram abatidas nos três primeiros meses de 2019, número 2,5% superior ao mesmo período de 2018

A avicultura paranaense registrou seu melhor primeiro trimestre em abates de sua história, conseguindo abater 460,6 milhões de frangos no período, segundo dados do Sindicato das Indústrias de Produtos Avícolas do Estado do Paraná (Sindiavipar). O número supera o melhor índice anterior de 2017, quando o setor registrou 454,6 milhões de aves abatidas (1,3% superior), além de registrar alta de 2,5% no mesmo período de 2018 (449,2 milhões cabeças).

Na visão do presidente do Sindiavipar, Domingos Martins, os números reforçam a confiança das indústrias avícolas no crescimento das exportações. “Temos uma base forte para conseguir atender a demanda do mercado, com forte presença tecnológica e uma produção de insumos que consegue manter nossa produção em ritmo acelerado durante todo o ano. Prova disso é que em março exportamos 39% de todo frango embarcado pelo Brasil”, avalia o presidente do Sindiavipar, Domingos Martins.

Sobre o Sindiavipar

O Sindicato das Indústrias de Produtos Avícolas do Estado do Paraná (Sindiavipar) representa 44 abatedouros, incubatórios e frigoríficos paranaenses. Desde sua fundação, há 27 anos, o Sindiavipar tem trabalhado para buscar o crescimento e a sustentabilidade da avicultura do estado, buscando sempre representatividade no mercado interno e externo. Atualmente, o Paraná é o maior produtor e exportador nacional, além de referência em sanidade avícola e responde por mais de 38% das exportações de carne de frango do país, embarcando o produto para mais de 160 países em todo o mundo.

Mais informações: sindiavipar.com.br

Informações para a imprensa

Centro de Comunicação
Jorge de Sousa
jorges@centrodecomunicacao.com.br
(41) 3018-8062 | (41) 99972-1904