BOA TARDE ! Sindiavipar, 18 de outubro de 2018
Release
27/04/2010
Paran mantm ritmo forte de exportao de frango de corte no primeiro trimestre

Paraná mantém ritmo forte de exportação de frango de corte no primeiro trimestre

Pelo terceiro mês consecutivo estado supera meta de produção de frango

A produção de frango de corte no Paraná está em seu melhor patamar nos últimos cinco anos. No mês de março a produção do estado mais uma vez alcançou números recordes de abate, com 119.289.703 cabeças de frango abatidas. Em março de 2009, a produção chegou a 102.394.368 cabeças. No acumulado do primeiro trimestre de 2010, a produção paranaense de frango atingiu 326.455.496 cabeças abatidas no estado, contra 289.171.920 cabeças abatidas no mesmo período do ano passado.

A exportação de frango de corte no Paraná também mantém os bons resultados já atingidos nos primeiros dois meses do ano. O balanço de exportação do mês de março fechou com 83.079.370 quilos de frango dos abatedouros paranaenses enviados a países como Arábia Saudita, Kuwait e Japão contra os 81.336.658 quilos exportados pelo estado em março de 2009. No acumulado do primeiro trimestre, o Paraná chegou à marca de 214.325.608 quilos de frango de corte exportado, enquanto os números nacionais do primeiro trimestre fecharam em 849.663.103 quilos de frango exportado. Em 2009, o Brasil registrou no mesmo período a exportação de 845.815.051 quilos de frango.

O ritmo forte de crescimento da produção no Paraná mostra o fortalecimento do setor no estado, que se mantém como o maior exportador de carne de frango do país. De acordo com o presidente do Sindiavipar (Sindicato das Indústrias de Produtos Avícolas do Estado do Paraná), Domingos Martins, os produtores e abatedouros estão fazendo um trabalho árduo para aprimorar a produção. “Hoje os números de produção de frango de corte no Paraná superam as nossas expectativas, mantendo um ritmo forte de crescimento. Nosso objetivo é manter a meta acima de 80 mil toneladas de carne por mês no estado para exportação”, comenta Martins.

O aumento na produção e na exportação se deve também ao preparo dos abatedouros paranaenses para a produção de carne de frango. Domingos Martins comenta a boa situação dos abatedouros do estado, afirmando que “hoje temos 26 abatedouros habilitados pelo Ministério da Agricultura para exportação de frango. Isso significa que mais de 78% das empresas paranaenses do ramo estão aptas a exportação, confirmando a qualidade do produto produzido no Paraná. E as indústrias que ainda não tem essa liberação do Ministério estão investindo em seus negócios para, em breve, também obter a liberação. O preparo do estado do Paraná na produção de frango é um dos maiores do país”.

Próximos meses

Para os próximos meses, além de manter o nível de produção nos patamares atingidos no primeiro trimestre, o objetivo agora é melhorar as negociações internacionais para os valores pagos pela carne de frango. “Hoje já atingimos boas marcas de produção no estado, mas agora queremos retomar os preços no setor internacional que eram praticados anteriormente. Essa é uma realidade que estamos batalhando para mudar, pois o mercado interno se mantém altamente comprador”, garante Domingos Martins.

Exportação paranaense de frango de corte em março

          

Volume (KG)       

Faturamento (U$$)

2007

76.056.096

98.872.762

2008

75.358.917

118.723.625

2009

81.366.658

108.351.490

2010

83.079.370

132.345.611



Produção paranaense de frango no primeiro trimestre

              

Janeiro

Fevereiro

Março

Acumulado

2007

  93.603.198

83.004.069

95.172.874

271.780.141

2008

105.377.204

97.144.055

98.871.571

301.392.830

2009

94.480.340

91.490.622

102.394.368

286.659.159

2010

104.815.581

102.300.612

119.289.703

326.455.496








« Voltar
--- PATROCINADORES --- Sindiavipar associado a:
Av. Cndido de Abreu, 140 Salas 303/304 - Centro Cívico . Curitiba-PR - CEP: 80.530-901 | 41.3224.8737
Desenvolvido por
Ubis Ideias Digitais logo
Ideias digitais