BOM DIA ! Sindiavipar, 16 de janeiro de 2018
Release
06/05/2009
Avicultura do Paran fecha 2008 como a principal produtora e exportadora de frango de corte do pas

Avicultura do Paraná fecha 2008 como a principal produtora e exportadora de frango de corte do país

Para 2009, a expectativa do Sindiavipar é de crescimento de 10% nos embarques paranaenses, principalmente com a conquista de novos mercados na China e União Européia

A avicultura paranaense fechou o ano de 2008 como recordista nas exportações e produção de frango de corte no Brasil. Levantamento realizado pelo Sindicato das Indústrias de Produtos Avícolas do Estado do Paraná (Sindiavipar) indica que no ano passado o estado exportou 915.414.503 quilos de carne de frango, contra 906.148.308 quilos exportados por Santa Catarina, segundo colocado no ranking nacional. Esse desempenho coloca o Paraná como responsável por 26,48% do volume das exportações brasileiras de frango. No acumulado do ano, o Brasil exportou 3.455.864.512 quilos de frango, número 7,72% superior ao de 2007, quando o país vendeu para o mercado externo 3.188.973.181 quilos.
Com esse desempenho, a avicultura de corte do Paraná fechou o ano de 2008 com o seu melhor desempenho em exportações na história e hoje é o segundo item na pauta de exportação do estado, perdendo apenas para o complexo soja, segundo levantamento da Secretaria de Comércio Exterior (Secex), vinculada ao Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. Além da liderança nacional em vendas com o mercado externo, o segmento comemora também o crescimento de 29,02% no faturamento comparado com 2007 – enquanto em 2008 as vendas externas totalizaram um faturamento global de 1.622.295.784 dólares, em 2007 o acumulado foi de 1.151.390.317 dólares. Em volume de exportações, o crescimento foi de 7,83%, com 915.414.503 quilos exportados em 2008 contra 843.658.462 quilos do ano anterior.
De acordo com o presidente do Sindiavipar, Domingos Martins, diversos fatores impulsionaram a liderança nas vendas externas na avicultura paranaense, em especial a modernização no parque industrial, promovida por diversas empresas avícolas do estado. “A liderança nas exportações é uma consequência natural do trabalho que há muito tempo é realizado pelo setor. Já havíamos preconizado durante o ano essa possibilidade de encerrar 2008 como o maior exportador nacional de frango de corte, até porque é um caminho natural, uma vez que o Paraná é também o maior produtor de frango do Brasil. Nossa expectativa é se manter durante o ano de 2009 nessa liderança e aumentar as vendas internacionais do produto”, revela Domingos Martins.
Segundo ele, o setor avícola começa a recuperar mercado após um período de instabilidade devido à crise econômica mundial, que também trouxe reflexos para o segmento com uma crise não de demanda por alimentos, mas sim de liquidez por parte de alguns importantes mercados compradores. A recomendação vinda da União Brasileira de Avicultura (UBA) e seguida pelo Sindiavipar foi a de reduzir em até 20% o alojamento de pintos, uma decisão que se iniciou em outubro do ano passado e que deve ser mantida até março deste ano. No entanto, o presidente do Sindiavipar afirma que houve uma retomada no ânimo, com os preços ganhando estabilidade e com boas perspectivas para a renovação de contratos com mercados já consolidados. Diante disso, a expectativa do setor é de retomada no crescimento das exportações após o primeiro trimestre deste ano. “Nossa expectativa é de aumentar em 10% os embarques do frango paranaense a partir de março de 2009, fruto principalmente da ampliação de aviários, indústrias e estrutura de estocagem ocorrida nos últimos anos pelo setor”, diz.
A meta de crescimento de 10% nas vendas externas para o Paraná em 2009 é o dobro da projetada pela Associação Brasileira dos Produtores e Exportadores de Frango (Abef) para o Brasil. Para atingir esse objetivo, a principal aposta paranaense é a ampliação de negócios com mercados já consolidados e a conquista de novos mercados consumidores. “Há uma expectativa global de aumento no consumo de proteína para este ano. O mundo irá consumir mais carne de frango e o Brasil se torna um importante fornecedor da proteína. Por isso, estamos trabalhando para perpetuar e ampliar contratos com mercados já consolidados além de buscar novos mercados, em especial na China e na União Européia. A China, por ter recentemente aberto o seu mercado para a compra do produto brasileiro, se torna a principal aposta para novas comercializações, tendo potencial inclusive para em pouco tempo se transformar no principal mercado comprador do frango de corte brasileiro”, informa Domingos Martins.
Para o presidente do Sindiavipar, a conquista de novos mercados é também estratégica para o desempenho linear e crescente das exportações paranaenses do produto. “A diversificação de mercado é uma estratégia para que as indústrias paranaenses consigam diminuir os riscos para crises pontuais. Ou seja, entrando em novos mercados consumidores, a probabilidade de você não sofrer tanto com problemas em um ou outro país é bem menor”, diz.
Além do destaque nacional no segmento de frangos de corte, o Paraná é também o principal exportador brasileiro de perus. No acumulado do ano passado, o estado exportou 23.060.561 quilos de peru, respondendo por 25,09% das exportações brasileiras no setor.

Liderança na produção de frangos
Na produção de frangos, o Paraná manteve a liderança nacional, com 1.222.123.962 cabeças abatidas no acumulado de 2008, desempenho 9,09% superior ao mesmo período do ano passado, quando foram abatidas 1.111.029.995 cabeças. Além da quantidade produzida, o presidente do Sindiavipar, Domingos Martins, destaca a qualidade do frango de corte produzido no Paraná. “Nosso desafio é manter essa posição de destaque nacional tanto na produção quanto nas vendas de aves, incentivando os avicultores do estado a continuar apostando no controle e na qualidade do frango que é produzido aqui”, revela.


Exportações avícolas do Paraná em 2008 

Mês

Exportação (Kg)

Exportação (US$)

Janeiro

73.412.119

110.404.483

Fevereiro

67.611.862

104.238.446

Março

75.358.917

118.723.625

Abril

64.956.982

106.329.337

Maio

89.893.046

156.345.821

Junho

78.476.134

143.386.817

Julho

94.621.496

181.047.307

Agosto

75.980.644

153.535.352

Setembro

82.825.852

168.278.379

Outubro

87.865.897

174.243.153

Novembro

58.994.662

104.135.293

Dezembro

65.416.892

101.627.771

Acumulado 2008

915.414.503

1.622.295.784


 

Histórico das exportações de carne de frango (acumulado)

Ano

Paraná

Brasil

2004

681.597.257 Kg

2.472.766.736 Kg

683.593.879 dólares

2.596.058.882 dólares

2005

791.209.247 Kg

2.862.068.098 Kg

953.801.113 dólares

3.512.681.569 dólares

2006

751.248.285 Kg

2.740.972.269 quilos

867.368.880 dólares

3.210.974.413 dólares

2007

843.658.462 Kg

3.188.973.181 quilos

1.151.390.317 dólares

4.633.055.895 dólares

2008

915.414.503 quilos

3.455.864.512 quilos

1.622.295.784 dólares

6.365.454.629 dólares




« Voltar
--- PATROCINADORES --- Sindiavipar associado a:
Av. Cndido de Abreu, 140 Salas 303/304 - Centro Cívico . Curitiba-PR - CEP: 80.530-901 | 41.3224.8737
Desenvolvido por
Ubis Ideias Digitais logo
Ideias digitais